Aeroporto de Brasília fecha 2021 com 10 milhões de passageiros

O Aeroporto da capital federal fechou o ano de 2021 com um pouco mais de 10 milhões de passageiros. O número representa um fluxo de pessoas ainda 37% inferior a 2019, período antes da pandemia, mas comparado com 2020, o movimento é 33% maior.

O tráfego aéreo foi de 102.900 pousos e decolagens, 30% a mais que 2020, porém as ondas de covid-19 ainda resultam em um movimento aéreo 28% menor que 2019, especialmente de voos internacionais.

A pandemia fez com que o movimento do Aeroporto de Brasília regredisse 15 anos, mas, mesmo com um fluxo abaixo, o terminal brasiliense se mantém como o segundo aeroporto mais movimentado do país, ficando atrás apenas do Aeroporto de Guarulhos.

“A paralização da aviação foi global e o setor foi um dos mais atingidos e prejudicados pela crise que o coronavírus trouxe com ele. A vacinação auxiliou e vem dando um fôlego na retomada, mas ainda temos um caminho longo para atingir a normalidade”, conta Roberto Luiz, head de Negócios Aéreos da Inframerica.

O Aeroporto de Brasília também se consolidou como o maior centro de conexão de voos domésticos do país. Atualmente o aeroporto atende 43 cidades brasileiras e três destinos no exterior. “Fortificamos Brasília como um hub da Gol e da Latam. Somos o único terminal aéreo com ligação para todas as capitais do Brasil, possibilitando além do acesso aos principais centros urbanos, uma conexão e integração com o interior”, explica Luiz.

O movimento internacional em 2021 foi de 90 mil passageiros e 910 voos. Porém, este fluxo de pessoas foi 47% inferior ao ano de 2020, pois durante os três primeiros meses do ano (antes da OMS decretar pandemia) o aeroporto operava 10 destinos internacionais. Hoje os passageiros podem voar direto da capital federal para três destinos: Lisboa com TAP, Panamá pela Copa Airlines e para Cancún com a GOL.

“O retorno internacional ainda está lento. As novas ondas do vírus estão fechando algumas fronteiras, mas estamos atentos as restrições impostas pelos países e trabalhando para trazer e retomar novos destinos em 2022”, declara o executivo.

Todos os cuidados para manter a sanitização do aeroporto estão sendo tomados. A concessionária demarcou com adesivos o distanciamento em filas de embarque, portões, pontes de embarque e no raio-x e pede a colaboração de todos os passageiros no respeito ao distanciamento físico entre pessoas. Há diversos dispensers de álcool gel distribuídos em todo o Aeroporto para higienização das mãos. Todos os passageiros que embarcarem e desembarcarem terão a temperatura aferida por câmeras termográficas.

A limpeza de todo o terminal foi reforçada, assim como os banheiros. O passageiro pode verificar nas placas instaladas nas entradas dos sanitários a hora em que o espaço foi desinfetado.

A administradora lembra aos passageiros que forem viajar que a utilização da máscara facial é obrigatória durante todo o tempo. Só serão permitidos embarques utilizando o acessório. A Anvisa estipulou regras quanto ao uso de máscara e o passageiro deve estar utilizando o produto autorizado pela agência.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn