Aeroporto de Brasília instala solução termográfica no embarque de passageiros

Sistema também detecta a não utilização de máscaras

Os passageiros que embarcarem em voos domésticos no Aeroporto de Brasília terão a temperatura da pele medida. A solução termográfica da empresa Hikvision foi instalada no acesso ao raio-x doméstico e tem a capacidade de processar as informações de 30 passageiros ao mesmo tempo. O usuário poderá conferir a sua temperatura em uma tela presente no local. Além disso, o programa também detecta a utilização de máscaras e está em fase de testes. O sistema possui sensores faciais que detectam o rosto do passageiro, medem a temperatura da superfície da pele e identificam se o passageiro está utilizando ou não máscaras de proteção. A precisão das informações pode variar em 0,3°C para mais ou menos. A tecnologia envolvida é capaz de diferenciar a temperatura da pele mesmo com um copo de café quente próximo ao rosto do passageiro. Os bombeiros civis da Inframerica atuarão no local, trabalhando no monitoramento dos usuários. A pessoa cuja temperatura tenha sido identificada pelo equipamento acima de 37º será submetida a uma nova checagem com um termômetro clínico. Caso seja comprovada a temperatura elevada, ela receberá como precaução luvas e máscaras descartáveis e será recomendado que se dirija ao posto médico do terminal aéreo. Caso seja necessário, o passageiro será encaminhado a um hospital de referência do Distrito Federal para a realização de exames. A solução termográfica e o alerta quanto ao uso de máscaras, são ferramentas que o Aeroporto de Brasília está disponibilizando aos passageiros para garantir ainda mais segurança na hora de voar. Além disso, o distanciamento em filas, mesas e cadeiras, disponibilização de álcool gel, higienização do terminal com produtos sanitários utilizados para desinfecção de UTI, informativos, entre outros, também são ações que o terminal vem tomando para retomada das operações.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn