ANAC

Documento permite a operação de voos comerciais com a aeronaves do modelo ATR 72, sem limite de frequências semanais

A Agência Nacional de Aviação Civil concedeu o certificado operacional para os aeroportos de Eirunepé e São Gabriel da Cachoeira, os primeiros aeródromos regionais do Amazonas a receber essa documentação da ANAC, que permite a operação de voos comerciais com a aeronaves do modelo ATR 72, sem limite de frequências semanais. Além de permitir uma maior acessibilidade para a comunidade da região desses aeroportos, essa certificação representa um aumento da segurança das operações no aeroporto, pois foram realizadas adequações na infraestrutura e nos auxílios visuais no sistema de pistas, além da definição de procedimentos de segurança operacional. Além dos aeródromos da Amazônia Legal, a ANAC emitiu nos últimos 90 dias, certificado operacional para outros quatro terminais: Guanambi/BA, Pato Branco/PR, Vitória da Conquista/BA e Sorriso/MT. Essas decisões permitem o aumento do número de voos regulares nos terminais e colabora com a ampliação da malha aérea entre as cidades e os demais aeroportos regionais do país.