Novo terminal de passageiros de Maceió completa 13 anos de operação

Obra de expansão realizada em 2005 contemplou também a ampliação da pista de pouso e decolagem, que passou de 2.200 para 2.600 metros

A Infraero anunciou que o Aeroporto Zumbi dos Palmares, em Maceió/AL, está completando 13 anos de operação com o novo terminal de passageiros. A obra de expansão realizada em 2005, contemplou também a ampliação da pista de pouso e decolagem, que passou de 2.200 para 2.600 metros. O terminal de passageiros foi construído com a mais moderna tecnologia e o Zumbi dos Palmares foi o primeiro aeroporto do Brasil a contar com a técnica de eficiência energética de cogeração de energia, uma parceria da estatal com a Petrobras, que permite uma forma de energia ambientalmente limpa, com a utilização de gás natural. A cobertura do novo terminal de passageiros tem uma abertura zenital, uma técnica bastante utilizada com a intenção de fazer com que a luz natural penetre no ambiente através de pequenas ou grandes aberturas criadas. Com capacidade para receber 5,3 milhões de passageiros por ano, o terminal alagoano, localizado a 25 km do centro da cidade registrou em 2017, um aumento de 3,6% na movimentação de viajantes se comparado ao ano de 2016. Entre embarques e desembarques, passaram pelo terminal, no ano passado, 2.068.245 passageiros. Nos últimos anos, o terminal passou por uma série de melhorias voltadas ao bem-estar dos passageiros, como a substituição de quatro pontes de embarque/desembarque, a readequação dos balcões de venda, reservas e informações (BVRI) para proporcionar melhor distribuição do mix comercial aeroportuário e a inauguração de novas lojas. Também foram realizadas melhorias no sistema de refrigeração através do Centro de Gerenciamento Aeroportuário e a revitalização das torres de iluminação do pátio de manobras e estadia de aeronaves.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn