Aeroporto de Londrina vai receber sistema de embarque com acessibilidade

Infraero está investindo R$ 5,9 milhões para instalar o Sistema ELO

O Aeroporto de Londrina/Governador José Richa vai receber até o fim do ano, três conectores climatizados projetados para fazer a interligação entre salas de embarque e desembarque e as aeronaves. Com investimento de R$ 5,9 milhões, os conectores foram desenvolvidos a partir de uma parceria entre a Infraero e a empresa gaúcha Ortobrás, especializada em acessibilidade. O sistema tem 100% de tecnologia nacional e se diferencia da estrutura suspensa dos conhecidos “fingers” por estabelecer uma ligação com a aeronave a partir de uma passarela em solo que apresenta duas opções para chegar à porta do avião: por escada ou por um elevador, com capacidade para 225 kg, para uso de cadeirantes ou pessoas com mobilidade reduzida. A tecnologia empregada segue o conceito de sustentabilidade e, de acordo com os princípios da Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, é adequada a aeronaves como o Boeing 737-800 e o Airbus 320, comumente utilizadas pelas companhias aéreas brasileiras, nos quais a porta de desembarque fica a uma distância de 2,5 metros a 3,5 metros do solo. O terminal de Londrina é o quarto a receber o sistema ELO.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn