Aeroporto Tom Jobim sobe seis posições em pesquisa de satisfação do Ministério dos Transportes

Investimentos feitos pela concessionária RioGaleão transformam a opinião dos passageiros

O Aeroporto Tom Jobim subiu seis posições na pesquisa de satisfação dos passageiros divulgada pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil. Com a melhoria na percepção dos passageiros, a posição do terminal carioca no ranking dos 15 principais aeroportos do país subiu da 12ª posição para o 6º lugar, o que comprova o resultado positivo do investimento de R$ 2 bilhões na modernização da estrutura e serviços implementados pela concessionária RioGaleão. A nota passou de 4,16 para 4,35 (de um total de 5), sendo que a partir de 4,0 a avaliação é considerada como boa. Se for comparado o último trimestre do ano com o primeiro, a avaliação do aeroporto subiu de 3,92 para 4,35, sendo o que apresentou a maior evolução. Entre as categorias melhor avaliadas e que obtiveram destaque por alcançar nota acima de 4,0 de um máximo de 5,0 pontos estão: disponibilidade de assentos no embarque, cordialidade dos funcionários do aeroporto, limpeza geral do terminal, organização da fila de inspeção de segurança, sinalização, disponibilidade de carrinhos para bagagem e de tomadas, lojas e estabelecimentos comerciais, qualidade da informação nos painéis dos voos e nas esteiras de restituição de bagagens, facilidade de embarque e desembarque no meio-fio, percepção de segurança, conforto térmico, acústico e qualidade do sistema sonoro. Com investimentos no valor de R$ 2 bilhões, o Aeroporto Tom Jobim, conta com novos serviços e infraestrutura diferenciada para oferecer aos passageiros e visitantes do Rio de Janeiro uma experiência de excelência aeroportuária. A concessionária construiu o Píer Sul, nova área do aeroporto, no terminal 2, com mais de 100 mil m² para embarques e desembarques de voos internacionais e um novo complexo de estacionamento. Os embarques, desembarques e imigração, no aeroporto, ficaram mais ágeis e seguras com a instalação de portões automáticos integrados com o sistema do órgão público de segurança. Com a tecnologia BCBP (bar-coded boarding pass), o passageiro tem autonomia para acessar as áreas restritas de embarque por meio da leitura do código de barras do bilhete de viagem via papel impresso ou pelo smartphone. Já a imigração ganhou os portões eGates que liberam o acesso à área internacional por meio da leitura automática do passaporte e da biometria facial. Os sistemas de refrigeração, elétrico e sonoro também foram completamente modernizados e estão em pleno funcionamento. Todo a rede de internet aeroportuária também passou por uma completa modernização e os passageiros têm acesso gratuito à internet de alta velocidade por wi-fi no qual é possível, inclusive, assistir filmes via streaming enquanto circulam pelo aeroporto. Para mais informações, acesse o portal www.riogaleao.com.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn