Air Canada interrompe serviços em 30 rotas regionais domésticas

Companhia também encerrará atividades em oito aeroportos canadenses

A companhia aérea Air Canada anunciou que está suspendendo indefinidamente o serviço em 30 rotas domésticas e encerrando as atividades em oito aeroportos regionais. Essas mudanças estruturais na rede nacional estão sendo feitas como resultado da demanda fraca e contínua por viagens de negócios e lazer devido ao COVID-19 e restrições de viagens e fechamento de fronteiras impostos pelo governo, que estão diminuindo as perspectivas de recuperação a médio prazo. A empresa espera que a recuperação do setor demore pelo menos três anos. Como conseqüência, outras alterações em sua rede e cronograma, bem como outras suspensões de serviços, serão consideradas nas próximas semanas, à medida que toma medidas para reduzir decisivamente sua estrutura geral de custos e queima de caixa. Como resultado da pandemia, a Air Canada registrou um prejuízo líquido de US$ 1,05 bilhão no primeiro trimestre de 2020, incluindo uma queima de caixa em março de US$ 688 milhões. A operadora já realizou uma série de mudanças estruturais, incluindo medidas significativas de economia e liquidez, das quais as suspensões anunciadas agora fazem parte. Mais informações no portal www.aircanada.com.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn