Air New Zealand realiza primeiro voo ETOPS de até 330 minutos

Autorização permite operações diretas na rota entre Auckland e Buenos Aires com o modelo Boeing 777-200ER equipado com motores Trent 800

A fabricante norte-americana Boeing e a companhia aérea Air New Zealand celebraram o primeiro voo da indústria da aviação aprovado para operações estendidas (ETOPS) de até 330 minutos. A iniciativa realizada a bordo de um jato 777-200ER da transportadora, partiu de Auckland, Nova Zelândia e pousou em Buenos Aires, na Argentina, aproximadamente 12 horas mais tarde. Na volta, o percurso é feito em cerca de 14 horas. O avião é equipado com motores Rolls-Royce Trent 800. A companhia afirmou que as operações estendidas permitem mais flexibilidade para serviços diretos de longa distância. A Air New Zealand começou as operações ETOPS de 240 minutos com o modelo em outubro de 2014 e voou rotas de longo alcance durante aproximadamente um ano antes de ser concedida a aprovação de 330 minutos em novembro último.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn