Amaszonas é a nova integrante da família de operadores de E-Jets

Companhia boliviana vai arrendar até seis exemplares do Embraer 190 configurados em classe única

A Amaszonas Línea Aérea de Bolívia é a mais nova operadora dos E-Jets da fabricante brasileira Embraer. A companhia aérea começou a utlizar o jato na rota entre o Aeroporto Viru Viru de Santa Cruz da Serra e La Paz. A empresa está adicionando um total de seis exemplares do tipo na frota e os aviões voarão para diversos destinos domésticos e internacionais. Os dois primeiros E190 foram arrendados da GECAS e configurados com 112 assentos em classe única. As outras quatro aeronaves serão arrendadas da CDB Leasing e terão 110 assentos configurados também em classe única. Futuramente, a transportadora irá operar o modelo no Aeroporto de Carrasco, em Montevidéu. A Embraer e a Amaszonas também assinaram um contrato para o programa Pool de serviços até 2024 com o objetivo de fornecer suporte de componentes reparáveis ​​para a frota. O programa compreende serviços de gerenciamento de reparos, incluindo engenharia de serviços de materiais e trocas avançadas de componentes do centro de distribuição de peças de reposição da fabricante em Fort Lauderdale, na Flórida (EUA).

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn