ANAC concede Certificado Operacional ao Aeroporto de Confins

Documento atesta a capacidade da concessionária em cumprir todos os procedimentos e normas de segurança e infraestrutura previstos no MOPS

A Agência Nacional de Aviação Civil concedeu o Certificado Operacional de Aeroporto à BH Airport, concessionária do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte/Confins. A conquista da certificação coincidiu com a data em que a concessionária completou o primeiro ano à frente da operação do terminal. O documento atesta a capacidade da empresa em cumprir todos os procedimentos e normas de segurança e infraestrutura previstos no Manual de Operações do Aeródromo (MOPS) e operar integralmente os voos de aeronaves do tipo 4E – Boeing com capacidade para transportar até 600 pessoas. A Certificação Operacional é um instrumento que a ANAC utiliza para incentivar os gestores aeroportuários a adotar práticas no dia a dia do aeroporto que busquem reduzir eventuais riscos em suas operações. O processo de certificação prevê a identificação e análise, por parte da concessionária, dos eventuais riscos na operação. Estas informações são reunidas no Manual de Procedimentos voltado à ampliação da segurança da operação aeroportuária que, em seguida, é apresentado à agência reguladora. Cabe à ANAC receber o Manual de Operação elaborado pela concessionária e analisar se os procedimentos, prática e padrões propostos são seguidos rigorosamente no dia a dia do aeroporto.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn