Lufthansa

Testes do novo procedimento tem sido promissores

A companhia aérea Lufthansa está testando uma nova operação de descida continuada no Aeroporto de Munique, na Alemanha, desenvolvida junto com o Controle de Tráfego Aéreo. O procedimento, se aprovado nos testes, vai ajudar todas as empresas a economizar combustível e proteger o meio ambiente. Desde outubro de 2013, o processo conhecido como Operação de Descida Continuada (CDO) proporciona aos pilotos a oportunidade, quando na descida para o aeroporto alemão, vindos do Norte, de otimizar esta etapa
dentro de certos parâmetros de altitude e velocidade. Comparado ao método convencional, esta aproximação economiza cerca de 100 litros de querosene em um voo longo e 50 litros em um voo de curto alcance. Até agora, os testes do CDO tem mostrado muito êxito sob o ponto de vista dos participantes e prosseguirão até o final de 2014. Eles devem comprovar a adequação do procedimento nas operações diárias e ainda analisar até que ponto as novas aproximações ainda são possíveis quando ocorrem congestionamentos no tráfego aéreo.
No decorrer do ano, os testes serão ampliados para aproximações do quadrante Sul. No momento, o CDO se encontra no processo de obtenção da aprovação como procedimento oficial de descida. Foto: Paulo Berger