Azul assume 100% da produção e comercialização de sua mídia de bordo

Além de cuidar do conteúdo editorial da revista de bordo, companhia também criará plataforma para negociar espaços de publicidade em todas as suas mídias

Seguindo uma tendência de mercado, a companhia aérea Azul anunciou a internalização da negociação comercial e produção editorial da revista de bordo. Com a mudança, a Editora Versatille deixa de ser responsável pela comercialização e desenvolvimento de conteúdo da publicação e outros canais. A venda de todas as mídias pela transportadora começa a valer a partir da edição de dezembro. Lida mensalmente por cerca de dois milhões de pessoas, a revista Azul está gratuitamente, em todos os voos domésticos e internacionais da empresa. Os passageiros podem apreciar as 150 páginas da revista e conhecer melhor os destinos turísticos e as novidades da Azul, além de ter dicas sobre gastronomia e Lifestyle. Com o novo projeto para a revista de bordo, a operadora está criando a Plataforma Azul, sua nova unidade de negócios. A unidade será responsável por negociar os espaços de mídia na revista de bordo, na TV e outros pontos de contato com os viajantes, além das ativações de bordo da companhia. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn