Azul é a primeira aérea brasileira a fazer parte do programa TSA Pre-Check

Viajantes elegíveis, de acordo com regras do órgão americano, podem usufruir de um sistema prévio de inspeção quando voarem dos Estados Unidos para o Brasil

A Azul é a primeira companhia aérea brasileira a receber a certificação TSA Pre-Check do departamento de segurança americano Transportation Security Administration. Trata-se de um sistema prévio de inspeção que permite a viajantes considerados como de baixo risco à segurança dos voos a usufruir de uma forma mais rápida de inspeção. Os passageiros não precisam retirar os sapatos, laptops e líquidos das bagagens de mão, cintos ou jaquetas leves. De acordo com o órgão Americano, 94% dos viajantes que passam pelo procedimento esperam menos de cinco minutos nas filas de inspeção. O TSA Pre-Check está disponível para passageiros que embarcam nos Estados Unidos ou estão conectando em voos domésticos em solo americano. Viajantes que são americanos, ou cidadãos legais americanos podem solicitar pelo serviço. A taxa anual é de US$ 85 ou US$ 17 por mês. Foto: Antonio Carlos Jr.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn