Azul otimiza frota e reduz dívida líquida em R$ 325 milhões

Companhia substituirá parte da frota de aeronaves ATR 72-600 por aviões maiores e de última geração

A companhia aérea Azul anunciou a venda de dez aeronaves ATR 72-600 para a companhia de leasing Nordic Aviation Capital resultando em uma redução da dívida total em cerca de R$ 325 milhões. Cinco unidades sairão da frota no último trimestre deste ano e cinco na primeira metade de 2018. O acordo com a NAC também inclui a entrega de três aeronaves novas ATR 72-600 sob leasing operacional ainda na segunda metade deste ano. A decisão da Azul está em linha com sua estratégia de otimização de frota e crescimento por meio de modelos com maior capacidade de assentos e mais eficientes. A venda dos dez aviões turboélice já estava sendo considerada na projeção de frota da empresa para 2017 e 2018, que consiste em encerrar o ano com 122 e 128 aeronaves operacionais, respectivamente. A empresa espera crescer sua capacidade em termos de assentos quilômetros voados de 11% a 13% em 2017. Foto: Benito Latorre

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn