Boeing 787-9 Dreamliner recebe a certificação de tipo da FAA e EASA

Air New Zealand será a primeira companhia a voar a nova versão

A fabricante norte-americana Boeing anunciou que o novo modelo 787-9 Dreamliner foi certificado pela Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA) e Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA) para o serviço comercial. A empresa está agora em fase final de preparação para o primeiro avião do tipo ser entregue para a cliente lançadora Air New Zealand. Para receber a certificação, a Boeing realizou um programa de teste abrangente com cinco aviões e mais de 1.500 horas de testes em voo, solo e laboratório. Com a fuselagem esticada por 20 pés (6 metros), a nova versão vai ampliar e complementar a nova família de jatos. Vinte e seis clientes em todo o mundo encomendaram 413 aparelhos 787-9, respondendo por 40% de todos os pedidos para o modelo.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn