Boeing anuncia acordo com a FedEx para entregar mais 24 aeronaves de médio e grande porte

Aquisição surge no momento em que a indústria de carga aérea continua a ganhar força

A fabricante norte-americana Boeing e a companhia aérea de logística FedEx Express anunciaram um novo pedido para 12 jatos 767F e 12 777F, em contrato avaliado em  US$ 6,6 bilhões. A aquisição surge no momento em que a indústria de carga aérea continua a ganhar força. Um ano depois que a demanda cresceu em quase 10%, o frete aéreo global deve aumentar até 5% em 2018. As transportadoras estão aumentando a capacidade para acompanhar a demanda, seja convertendo aviões de passageiros em cargueiros ou encomendando novos jatos de carga de produção. Com esta solicitação da FedEx, a Boeing já vendeu mais de 50 cargueiros de fuselagem larga este ano. O 767F pode transportar aproximadamente 52,7 toneladas de carga de receita com alcance intercontinental, tornando-se uma plataforma flexível para atender a mercados de longa distância, regionais ou alimentadores. Já o 777F pode voar 4.900 milhas náuticas (9.070 quilômetros) com uma carga de 102 toneladas métricas ou 102.000 kg. Com este modelo, a FedEx conseguiu conectar a Ásia com seu hub em Memphis, Tennessee, sem interrupções e reduzir os tempos de trânsito em até três horas. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn