Boeing

Fabricante prevê demanda para cerca de 6.330 novos avões avaliados em US$ 1 trilhão

A fabricante norte-americana Boeing divulgou um novo estudo de mercado recentemente, onde projeta uma demanda na China de 6.330 novos aviões nos próximos 20 anos, em valor estimado de US$ 1 trilhão. Como o país se tornou o maior mercado de viagens aéreas domésticas do mundo, a Boeing prevê uma demanda para 4.630 aviões de fuselagem estreita até 2034. Este setor é impulsionado pelo crescimento em novas operadoras e empresas de baixo custo em desenvolvimento e emergentes, assim como a expansão contínua em companhias aéreas estabelecidas. A empresa também estima que o segmento widebody (fuselagem larga) exigirá 1.510 novos aviões durante o período. Em todo o mundo, a Boeing projeta investimentos de US$ 5,6 trilhões para cerca de 38.050 novos aviões comerciais a serem entregues nos próximos 20 anos. A previsão global completa está disponível no endereço www.boeing.com/cmo.