Boeing inicia modificações nos jatos 787 Dreamliner

Alterações serão feitas no sistema elétrico do modelo

A aprovação das melhorias feitas no sistema de baterias do modelo 787 pela FAA autoriza a fabricante Boeing e seus clientes a instalarem as modificações aprovadas, permitindo a volta ao serviço do aparelho. Para os jatos baseados fora dos Estados Unidos, as autoridades reguladoras locais são responsáveis por emitir a autorização final para o retorno ao serviço de transporte de passageiros. A aprovação do sistema de bateria aprimorado do 787 foi concedida pela FAA depois que a agência realizou uma análise detalhada dos testes de certificação. Os testes foram desenvolvidos para confirmar que os componentes individuais da bateria e sua integração com o sistema de recarga e o novo invólucro tiveram o desempenho esperado em operação normal e em condições adversas. Os testes foram realizados sob a supervisão da FAA durante o período de um mês.O sistema de baterias aprimorado inclui mudanças de design, tanto para evitar falhas quanto para isolar uma falha, caso ocorra. Além disso, foram implantados melhores processos operacionais, de produção e teste. O novo invólucro de aço evita que qualquer nível de aquecimento da bateria afete a aeronave e seja percebido pelos passageiros.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn