Bombardier testa jato CSeries 100 em voo transatlântico

Modelo concluiu voo sem escalas de Londres para Nova York

A fabricante canadense Bombardier confirmou que uma aeronave CS100 com uma carga útil representativa voou com sucesso sem escalas do Aeroporto de Londres para o JFK em Nova York. A operação intercontinental seguiu uma série de voos bem sucedidos para demonstrar as capacidades da aeronave para operar de e para o London City, incluindo pouso de aproximação íngreme e desempenho de pista curta. As certificações da autoridade canadense e EASA para operações de aproximação íngreme com as aeronaves CS100 estão previstas para o segundo trimestre de 2017. A Bombardier possui uma grande experiência no aeroporto central londrino com vários tipos de aeronaves, incluindo o avião turboélice Q400, bem como os modelos executivos Challenger 650 e Global 5000 e 6000. Espera-se que a companhia aérea Swiss seja a primeira a oferecer serviço com o modelo de e para Londres no final deste ano.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn