CEO da Latam: “Teremos uma estrutura de custos imbatível na região”

A chileno-brasileira Latam, principal companhia aérea da América Latina, deixa para trás o ano terrível em que teve que declarar falência e encara o futuro com otimismo e convicta de que sairão da pandemia mais competitiva e com uma estrutura de custos imbatível.

A empresa, nascida em 2012 da fusão entre a chilena Lan e a brasileira Tam, fechou 2020 com queda de 58,4% em sua receita operacional e prejuízo líquido de 4,55 bilhões de dólares e espera retomar até 80% de sua receita operações pandêmicas até o final do ano.

Foto: Divulgação

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn