Comunicações por satélite economizaram US$ 3 bilhões para as companhias aéreas

Links de voz e dados para a cabine diminuem o tempo e reduzem o impacto ambiental das viagens

As comunicações via satélite (satcom) na cabine de comando das aeronaves economizaram mais de US$ 3 bilhões para as companhias aéreas, graças aos seus benefícios de segurança e eficiência. As informações são de um novo estudo, divulgado pela Helios e pela empresa de comunicações móveis Inmarsat. Satcom é o uso de serviços de voz e dados via satélite para a comunicação com aeronaves fora da faixa de radares terrestres convencionais e de estações de Frequência Muito Alta (VHF), como em regiões oceânicas. É tipicamente utilizada para controle e operações aéreas. O estudo inaugural, realizado pela Helios, quantificou o benefício gerado pela satcom para as operadoras aéreas entre 2001 a 2016. O estudo mostra que o benefício de apenas um mecanismo de Controle de Tráfego Aéreo (ATC) – a redução das separações mínimas, que permite que as aeronaves voem mais perto umas das outras em segurança – foi responsável por uma economia de US$ 890 milhões. Graças à satcom, as aeronaves agora podem voar a 30 milhas náuticas umas das outras, com o uso de comunicações e rastreamento seguros e confiáveis (anteriormente as aeronaves eram obrigadas a manter uma separação de 100 milhas náuticas entre si). O fato de mais aeronaves poderem voar em um determinado espaço aéreo é particularmente vantajoso nos movimentados céus do Atlântico Norte. Se uma aeronave não estiver equipada com capacidade de comunicação por satélite, ela precisará manter a distância mínima de 100 milhas náuticas e não será autorizada a voar em determinadas áreas. O aumento da capacidade do espaço aéreo também leva a mais aeronaves poderem escolher níveis de voo otimizados, economizando tempo e combustível. A economia de US$ 890 milhões representa a maior parte da economia total de US$ 1,1 bilhão identificada pelo estudo. Uma economia adicional de US$ 1,9 bilhão é proporcionada pela habilidade das aeronaves de se comunicarem com o Centro de Operações Aéreas. Os aplicativos de AOC utilizam informações em tempo real para ajudar as companhias aéreas a melhorarem a segurança dos voos ou a prestar um serviço mais eficiente a um custo menor. A gestão de atrasos e a programação são melhoradas, as frotas e as tripulações podem ser melhor geridas, a manutenção pode ser realizada, e o tempo de rotatividade no solo é reduzido. Tradicionalmente, a comunicação com o AOC é realizada através da troca de mensagens de simples de texto entre o piloto e o controlador. Com o aumento da capacidade de largura de banda proporcionada pela satcom, trazendo conectividade de banda larga à cabine de comando, haverá uma explosão de aplicativos para AOC baseadas em IP, permitindo que as transportadoras otimizem ainda mais as operações de voo e a gestão de suas frotas. Para mais informações, acesse o portal www.inmarsataviation.com.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn