Delta anuncia os resultados financeiros do segundo trimestre de 2020

Companhia encerrou o período com US$ 15,7 bilhões em liquidez

A companhia aérea Delta Air Lines divulgou os resultados financeiros registrados no segundo trimestre de 2020, onde a perda antes de impostos ajustada de US$ 3,9 bilhões exclui US$ 3,2 bilhões em itens diretamente relacionados ao impacto do COVID-19 e à resposta da empresa, incluindo encargos de reestruturação relacionados à frota, reduções relacionadas a alguns investimentos de capital e o benefício da concessão da Lei CARES. A receita total ajustada de US$ 1,2 bilhão, que exclui as vendas das refinarias, diminuiu 91% em relação ao ano anterior, com uma redução de 85% na capacidade do sistema na comparação anual. As despesas operacionais ajustadas totais diminuíram US$ 5,5 bilhões ou 53% no trimestre em relação ao ano anterior, impulsionadas por menores despesas relacionadas à capacidade e receita e um forte gerenciamento de custos em todo o negócio. No final do trimestre, a empresa possuía US$ 15,7 bilhões em liquidez. O caixa usado nas operações durante o período foi de US$ 290 milhões. No final do trimestre, a empresa tinha obrigações totais de dívida e arrendamento financeiro de US$ 24,6 bilhões, com dívida líquida ajustada de US$ 13,9 bilhões. Durante o período, a empresa levantou US$ 11 bilhões em nova liquidez a uma taxa média combinada de 6,5%. Mais informações no portal https://pt.delta.com/br/pt .

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn