Delta apresenta nova experiência de embarque em Atlanta

Ainda neste ano será realizada a segunda fase dos testes com foco na maior mobilidade dos atendentes, experiência digital do cliente no portão e integração do embarque biométrico

A companhia aérea Delta anunciou a primeira fase do programa de testes desenvolvido para aprimorar a experiência e o processo de embarque dos passageiros no saguão T do Aeroporto Hartsfield–Jackson em Atlanta. Como parte deste projeto-piloto de três meses, os viajantes terão os seguintes recursos ao passar pelos portões T1, T2 e T3: atendimentos móveis, com balcões modernos que ocupam menos espaço em comparação aos tradicionais, liberando espaço para o embarque mais eficiente e com mais assentos para os clientes; dispositivos portáteis Nomad que permitem aos atendentes de embarque alterar assentos, verificar status de bagagens e outras atividades, conferindo maior movimentação dos agentes, eliminando a postura fixa atrás de um balcão tradicional; pilares de embarque que criam quatro filas paralelas, não só aumentando a organização no portão, como também fornecendo aos clientes um caminho rápido até o embarque, aprimorando o fluxo; e E-Gates, que permitem ao passageiro realizar sozinho seu embarque de maneira fácil e eficiente, por meio da leitura de dados a partir do smartphone ou cartão de embarque. Ainda neste ano será realizada a segunda fase dos testes, com foco na maior mobilidade dos atendentes, experiência digital do cliente no portão e integração do embarque biométrico, com base nos testes que estão sendo realizados no Aeroporto Ronald Reagan, em Washington.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn