Delta divulga números financeiros do último trimestre e do ano

Receita antes dos impostos ajustada foi de US$ 5,1 bilhões, uma redução de US$ 137 milhões em relação a 2017

A companhia aérea Delta Air Lines divulgou os números financeiros do último trimestre e do ano de 2018. A receita antes dos impostos ajustada para o trimestre foi de US$ 1,2 bilhão, impulsionada por mais de US$ 700 milhões de crescimento de receita, permitindo à empresa recapturar totalmente o aumento de US$ 508 milhões nas despesas ajustadas de combustível e produzir uma margem antes dos impostos ajustada de 11%. O lucro por ação ajustado aumentou em 42% ao ano para US$ 1,30. Para o ano inteiro, a receita antes dos impostos ajustada foi de US$ 5,1 bilhões, uma redução de US$ 137 milhões em relação a 2017, quando a empresa superou aproximadamente 90% do aumento de US$ 2 bilhões em despesas com combustível. O lucro ajustado por ação no ano todo foi de US$ 5,65, um aumento de 19% em relação ao ano anterior. A receita operacional ajustada da Delta de US$ 10,7 bilhões no trimestre melhorou 7,5%, ou US$ 747 milhões em relação ao ano anterior. No acumulado do ano, a receita operacional ajustada cresceu para quase US$ 44 bilhões, um aumento de 8% em relação ao ano anterior em uma base de receita cada vez mais diversificada. A empresa gerou US$ 1,3 bilhão em fluxo de caixa operacional ajustado e US$ 45 milhões em fluxo de caixa livre durante o trimestre. No acumulado do ano, a Delta gerou US$ 6,9 bilhões em fluxo de caixa operacional ajustado e US$ 2,3 bilhões em fluxo de caixa livre. A companhia investiu US$ 4,7 bilhões nos negócios durante o ano passado, incluindo US$ 1,3 bilhão no último trimestre. Isso permitiu a entrega de 68 novas aeronaves em 2018, incluindo cinco jatos Airbus A350-900 e quatro Airbus A220-100. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn