Delta e Korean Air assinam acordo para criar joint venture do Pacífico

Companhias irão oferecer ampla rede de rotas e benefícios de alto nível aos passageiros

As companhias aéreas Delta Air Lines e Korean Air firmaram acordo para criar uma joint venture transpacífica com grande alcance e oferta, oferecendo uma ampla rede de rotas, produtos, serviços e experiência ao passageiro ininterrupta entre os Estados Unidos e a Ásia. O acordo é a última expansão da parceria de longa data, que teve início no ano 2000, quando ambas se tornaram cofundadoras da aliança global SkyTeam. Esta aliança segue o memorando de entendimento assinado pelas operadoras em março, que anunciou a intenção da criação de uma joint venture, que terá uma rede combinada servindo mais de 290 destinos nas Américas e mais de 80 na Ásia, oferecendo aos viajantes mais opções de viagens. A joint venture aumentará os recursos das empresas no transpacífico e fornecerá a escala e abrangência para competir neste mercado. A parceria também prevê iniciativas de vendas e marketing conjuntas na Ásia e nos Estados Unidos; co-localização nos principais hubs proporcionando uma experiência ininterrupta para passageiros e bagagens; mais benefícios aos passageiros frequentes, oferecendo aos clientes a possibilidade de ganhar e resgatas milhas nos programas SkyMiles e SKYPASS; e cooperação aprimorada para transporte de carga pelo Pacífico. No acordo, as transportadoras também compartilharão os custos e as receitas relacionados aos voos dentro do escopo da joint venture, enquanto trabalham para ampliar as opções de serviço para os passageiros. Em antecipação ao acordo, a Delta lançou recentemente um novo serviço sem escalas entre Atlanta e Seul. Este voo complementa o serviço atual da Korean Air e oferece aos clientes dos Estados Unidos maior acesso a destinos por toda a Ásia. Ao mesmo tempo, a operadora sul-coreana continuará a expansão de sua rede entre os Estados Unidos e a Coreia neste verão norte-americano com a introdução do terceiro voo entre Los Angeles e Seul e um segundo voo entre São Francisco e Seul. Foto: Paulo Berger

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn