Delta implementa caixas antimicrobianas para passageiros em locais de checagem de segurança

Trata-se da mais recente iniciativa resultante da parceria entre a empresa e TSA para manter as pessoas seguras em todas as etapas da viagem

A partir desta semana, a tecnologia antimicrobiana nos pontos de verificação de segurança dos aeroportos está tornando a experiência pré-embarque em alguns hubs da companhia aérea Delta Air Lines ainda mais segura. Em razão dos novos recipientes feitos com um material inovador, os viajantes podem ter a certeza de que seus pertences permanecerão limpos e protegidos ao passarem por esse processo. Em parceria com a Administração de Segurança dos Transportes, a empresa está lançando essas caixas antimicrobianas para uso nas esteiras de triagem automatizadas em Atlanta, Minneapolis, Los Angeles, Nova York/LaGuardia e Nova York/JFK, processo que continuará ao longo do mês de setembro. Os novos recipientes evitam o crescimento de um amplo espectro de bactérias por meio de uma tecnologia antimicrobiana, que é incorporada à peça e minimiza continuamente a presença desses microorganismos ao longo do ciclo de vida da caixa. A TSA também continua a ajustar suas operações durante a pandemia, implementando medidas proativas e de proteção nos pontos de checagem para tornar o processo de inspeção mais seguro, incluindo equipamentos de triagem de alta sensibilidade ao toque e uso de caixas que são limpas de hora em hora, enquanto outras superfícies são higienizadas diariamente ou conforme o necessário nos aeroportos dos Estados Unidos. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn