Delta substituirá sistemas de filtragem que bombeiam ar nas pontes de embarque e aeronaves estacionadas

Empresa adotará filtros LEED Platinum MERV14, o que resultará em uma redução de 40% de partículas no ar

Manter o ar que os passageiros respiram limpo e seguro durante o voo é uma das medidas de proteção fundamentais que a companhia aérea Delta Air Lines se empenha em oferecer aos passageiros e funcionários. Assim como se concentra em garantir ar limpo a bordo, trocando os filtros HEPA de nível industrial duas vezes mais do que o recomendado pelo fabricante, a transportadora também tem o compromisso de proporcionar ar limpo em solo. Na segunda quinzena de setembro, a empresa substituirá os atuais sistemas de filtragem de ar que bombeiam ar externo para suas pontes de embarque e aeronaves estacionadas por filtros LEED Platinum MERV14, medida que resultará tanto em uma redução de mais de 40% nas partículas aéreas, como no oferecimento de um ar mais limpo nesses espaços durante o embarque e desembarque. Mais de 600 portões que dão acesso às aeronaves em 31 aeroportos onde a empresa opera, serão equipados com esses filtros sustentáveis, para que os viajantes possam respirar facilmente a bordo e fora do avião. E há planos de expansão dessa iniciativa para mais terminais nos próximos meses. A Delta também trabalha com os principais especialistas para medir e validar a eficácia das medidas de segurança que estão em vigor. Um estudo recente, realizado em parceria com o Georgia Institute of Technology, avaliou o número e a concentração de partículas finas no ar em uma variedade de locais, incluindo o ar a bordo das aeronaves da empresa em altitude e em outros espaços internos e os resultados mostraram que o ar que se respira durante o voo é muitas vezes mais limpo do que a amostra de ar de outros locais fechados, como restaurantes, residências e mercearias. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn