Delta volta a operar em quase todos os mercados da América Latina e Caribe

 A Delta deve reiniciar as operações na Argentina, no Chile e no Equador, marcando o retorno da companhia para a maioria dos países da América Latina que atendia antes da pandemia de COVID-19.

Os voos entre Atlanta (EUA), Quito (Equador) e Santiago (Chile) serão retomados amanhã 18 de dezembro, em aviões Boeing 767-300, enquanto o voo para Buenos Aires, Argentina, recomeça no sábado 19 de dezembro, com aeronaves Boeing 767-400. As frequências para Santiago e Buenos Aires serão oferecidas a bordo de aeronaves Boeing 767-400. As três rotas contarão com serviço nas cabines Delta OneDelta Comfort+ e Main Cabin.

Com o retorno dos voos para cada um dos países sul-americanos atendidos pela Delta antes da pandemia de COVID-19, a empresa aérea agora opera em 35 cidades no Caribe, México, América Central e América do Sul.

“Estamos prontos para receber nossos clientes de volta a bordo e ansiosos para mostrar a eles como transformamos a experiência de viagem com melhorias na segurança que não mudam o conforto nem o serviço”, disse o diretor geral da Delta para a América Latina, Caribe e Sul da Flórida, Luciano Macagno. Foto: Divulgação

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn