Embraer e Boeing colaboram em testes de tecnologia no programa ecoDemonstrator

Testes ambientais durante o voo expandem cooperação entre fabricantes

As companhias Boeing e Embraer anunciaram uma colaboração para testar tecnologias direcionadas ao meio ambiente em um esforço conjunto para melhorar o desempenho da aviação com relação a aspectos ambientais. Pelo acordo, uma aeronave da empresa brasileira será utilizada para a realização de testes a partir de 2016 através do programa ecoDemonstrator da Boeing. A iniciativa amplia a cooperação entre duas das maiores fabricantes de aviões do mundo. A empresa norte-americana lançou o programa em 2011 para acelerar os testes e o emprego de novas tecnologias que podem reduzir o consumo de combustível, as emissões de carbono e o ruído. Até hoje, a Boeing testou mais de 50 tecnologias com um jato 737-800 e um 787 Dreamliner. Atualmente, a empresa está usando um 757 no projeto. Com a plataforma, novas tecnologias sobre impacto ambiental ainda em desenvolvimento podem ser testadas em voo e amadurecer mais rapidamente. A cooperação entre Boeing e Embraer no ecoDemonstrator reforça uma relação que começou em 2012, quando as fabricantes anunciaram que iriam cooperar de forma a criar valor para ambas as empresas e seus clientes. Desde então, as companhias têm trabalhado em várias frentes, como no programa visando o incremento da segurança de pousos e decolagens e no projeto do cargueiro militar KC-390. Além disso, em 2015, as fabricantes inauguraram um centro conjunto de pesquisa em biocombustíveis em São José dos Campos/SP, para realizar estudos com biocombustíveis e coordenar pesquisas com universidades e outras instituições brasileiras.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn