Embraer nomeia novo centro de serviços na China

STAECO fará manutenção pesada e de linha para a família de E-Jet’s

A fabricante brasileira de aviões nomeou a Taikoo (Shandong) Aircraft Engineering (STAECO) como centro de serviços autorizado da Embraer para o mercado de aviação comercial na China. A empresa fornecerá manutenção pesada e de linha para a família de E-Jets de acordo com os padrões Parte 145 da Regulação de Aviação Civil na China. Tendo em vista o crescimento constante da base de clientes e da frota na China, a Embraer vem fortalecendo continuamente a capacidade de atendimento e serviços aos clientes. Em julho de 2010, a companhia estabeleceu a ECA, subsidiária integral cujo escopo comercial cobre a venda de peças de reposição e serviços de consultoria relativos a problemas técnicos e operações de voo. Em outubro de 2010, a Tianjin Airlines tornou-se centro de serviços da Embraer para os jatos ERJ 145 e E190. Desde a inauguração do escritório na China em 2000, a frota cresceu para 121 jatos comerciais, incluindo 75 jatos Embraer 190. 
 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn