Embraer seleciona fornecedor de aviônica para nova geração de E-Jets

Honneywell vai dispor do sistema integrado Primus Epic 2

A fabricante brasileira Embraer selecionou a empresa Honeywell para fornecer o sistema integrado de aviônica para a segunda geração de E-Jets, cuja entrada em serviço está prevista para 2018. A decisão é mais um importante marco no programa que tem previsão de lançamento ainda este ano. No mês passado, a Embraer selecionou a Pratt & Whitney como fornecedor de motores. Somente nos E-Jets, o sistema Honeywell Primus Epic acumula mais de nove milhões de horas de voo. Como esta aviônica é baseada em software, a Embraer será capaz de integrar de forma simples e efetiva as futuras funcionalidades de comunicação, navegação e gerenciamento de tráfego aéreo. Assim como na atual família de jatos comerciais, a segunda geração de E-Jets estará equipada com Head-up Displays (HUD) duplos, que serão oferecidos como opcionais. A seleção do fornecedor para este sistema irá ocorrer ainda este ano.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn