Emirates vê Wi-Fi grátis como regra no futuro

Companhia investe mais de US$ 20 milhões por ano em conectividade de bordo

Nos primeiros três anos desde o lançamento do sistema de Wi-Fi, mais de meio milhão de passageiros conectaram a internet a bordo de um voo da Emirates. A companhia aérea investe mais de US$ 20 milhões por ano na instalação e operação de sistemas de conectividade de bordo. O serviço de Wi-Fi está disponível em todas as 53 aeronaves A380 e em 28 Boeing 777, que operam rotas em seis continentes. A empresa também dispõe de um programa de retrofit, cujo objetivo é habilitar toda a sua frota com o sistema. Atualmente, na maioria dos voos equipados com Wi-Fi, os passageiros desfrutam dos primeiros 10MBs de dados de graça, o que é o suficiente para acessarem suas contas de mídia social. Posteriormente, um token de 600MB de carga adicional custa US$ 1. A Emirates está atualizando seu software de programação para, eventualmente, permitir que os passageiros tenham acesso gratuito e ilimitado à rede Wi-Fi. No último mês de outubro, uma média diária de 3,5 mil passageiros utilizou cerca de 28 MB por usuário. O maior número de viajantes usando Wi-Fi em um único voo da Emirates foi registrado em um A380 com 153 pessoas conectadas. A companhia aérea teve um aumento de 200% no uso de Wi-Fi no mês passado. Foto: Paulo Berger

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn