Frota parada da China Eastern Airlines reduzida a zero na base de Xangai

 

A frota parada da China Eastern Airlines foi reduzida a zero em sua base em Xangai, observaram porta-vozes da companhia aérea, outro sinal de que o mercado de aviação está se recuperando.

Atualmente, o volume médio diário de voos de passageiros do Leste da China foi reativado para cerca de 2.400. A companhia aérea anunciou que vai adicionar voos entre cidades como Pequim, Guangzhou e Chengdu.

Em 2020 o volume do transporte aéreo mundial caiu 60-70% em relação ao ano anterior. O problema da localização de um grande número de aeronaves também era notável, à medida que cada vez mais aeroportos eram convertidos em meros lugares de estacionamento.

De acordo com estatísticas da International Air Transport Association (IATA), 13.700 aeronaves permaneceram no solo, representando quase dois terços da frota mundial total.

Foto: Divulgação

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn