Gol informa mudança de regras nos cancelamentos

Opções são para voos nacionais e internacionais marcados para até 14 de maio deste ano

Desde o surgimento do COVID-19 no Brasil, a companhia aérea Gol tem acompanhado de perto as recomendações dos órgãos responsáveis e anunciou a flexibilização das políticas de remarcação e cancelamento de viagens nacionais e internacionais, em seus voos operados ou em conexão com empresas parceiras. Dessa forma, caso o passageiro não queira viajar neste momento, as opções para voos nacionais e internacionais marcados para até 14 de maio deste ano são cancelamento da viagem e manutenção do valor em crédito para voos futuros com o valor disponível integralmente por um ano a contar da data da compra; remarcação da viagem para qualquer período dentro de 330 dias a contar da data da compra e a taxa de remarcação não sendo cobrada incidindo apenas a diferença entre as tarifas se houver; e optar por cancelamento das viagens e solicitação de reembolso não havendo taxa de cancelamento. Contudo, a taxa de reembolso poderá ser cobrada, dependendo da regra da tarifa escolhida. A Gol sugere que os passageiros realizem as modificações do seu voo e obtenham mais informações nos canais digitais, portal www. voegol.com.br e Aplicativo. A central de relacionamento pelo número 0300 115 2121 também estará à disposição e priorizará os viajantes com voos marcados em até 72 horas. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn