Gol: primeira aérea certificada por maior performance na nova pista de Congonhas

A certificação concedida pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) garante que as aeronaves da Gol, em conjunto com as características de aderência da pista, operem com maior eficiência, em total conformidade com as normas de segurança para este fim. O ganho de performance se refletirá no dia a dia, permitindo uma equivalência, em dias chuvosos, a de um dia seco, por exemplo, além de reduzir significativamente a possibilidade de alternar.

 

Com a reforma executada pela Infraero no ano passado (setembro/2020), Congonhas tem agora uma pista com mais capacidade de drenagem (rápido escoamento da água de chuva) e maior aderência para os pneus das aeronaves. Foram feitas a fresagem do revestimento asfáltico antigo, a execução de camada estrutural de concreto asfáltico (CBUQ) com grooving (ranhuras na pista) na região das cabeceiras; e aplicação de camada superficial porosa de atrito (CPA), bem como a sinalização horizontal.

A Infraero, por meio do Ministério da Infraestrutura, investiu R$ 11,5 milhões na modernização da pista. Os trabalhos contaram com a contribuição das companhias aéreas, Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), Associação Brasileira de Aviação Geral (ABAG) e demais entes públicos relacionados, como Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), Secretaria de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura e Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). 

Foto: Divulgação

 

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn