Impressionante: Volotea atinge fator de ocupação de 90,7% em 2020

 

2020 foi um ano desafiador para a aviação comercial. A pandemia de coronavírus em curso causou uma grande queda na demanda de passageiros, levando a grandes perdas para as companhias aéreas. No entanto, para a aérea espanhola de baixo custo Volotea, houve alguns motivos para estar alegre em meio à tristeza. Entre outros fatores, sua taxa de ocupação média no ano passado foi de 90,7%!

Em um comunicado à imprensa publicado no início desta semana, a Volotea anunciou que havia registrado "números satisfatórios em um ano sem precedentes para a aviação". O terceiro trimestre do ano foi um período particularmente forte para a transportadora de baixo custo espanhola. Durante este período, a sua atividade em relação ao ano anterior diminuiu apenas 17%.

Uma mudança na estratégia de rede também significou que a Volotea precisava apenas reduzir suas rotas operadas em 9%. Especificamente, concentrou-se principalmente nas operações domésticas, que representam 86% de sua rede. No total, a Volotea, que atualmente voa exclusivamente com Airbus A319, operou 293 rotas em 2020.

Esse retrabalho culminou com a companhia aérea conseguindo transportar 3,8 milhões de passageiros no ano passado, com voos registrando uma taxa de ocupação média de 90,7%. Este é um número impressionante quando se considera a retração geral que o setor sofreu. Esses passageiros estiveram espalhados por 30.600 voos.

Outras áreas viram ganhos significativos. Sua pontualidade , por exemplo, disparou em quase 15 pontos, para 91,7%.

Foto: Airbus

 

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn