Infraero divulga números do desempenho em 2015

Receita operacional líquida da estatal foi de R$ 2,6 bilhões, redução de 9,2% em relação ao ano anterior

A Infraero divulgou o Relatório da Administração 2015 com os principais números da empresa relativos ao ano passado. A receita operacional líquida foi de R$ 2,6 bilhões, sendo R$ 1,5 bilhão de receitas operacionais (tarifas de embarque, conexão, pouso etc.) e R$ 1,1 bilhão de receitas comerciais (concessão de áreas, terminais de carga etc.), o que representa 9,2% de redução em relação ao registrado em 2014, que foi R$ 3 bilhões. Os custos operacionais somaram R$ 2,2 bilhões (1,8% de aumento em relação a 2014), e o lucro bruto (considerando os 60 aeroportos e as 68 EPTAs) foi de R$ 423,6 milhões. Após a contabilização das despesas, das provisões e dos investimentos realizados em imóveis da União, entre outros, apurou-se prejuízo líquido de R$ 3 bilhões. É importante destacar que, num cenário sem os aeroportos concedidos, as receitas operacionais apresentaram crescimento de 9,6% em 2015 em comparação ao ano anterior. Este desempenho decorre principalmente da expansão das receitas comerciais, com crescimento de mais de 23% em relação a 2013. Os 60 aeroportos da Infraero registraram em 2015, 112,3 milhões de embarques e desembarques, número 0,44% menor que aquele contabilizado em 2014. Em pousos e decolagens, foram registrados 1,8 milhão de operações ante 1,9 milhão em 2014. Mais informações no portal www.infraero,gov.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn