KLM Cityhopper recebe o primeiro jato E175

Modelo substituirá a frota de jatos Fokker 70 da companhia até 2018

A companhia aérea KLM Cityhopper recebeu o primeiro jato E175 de uma encomenda de 17 aparelhos produzidos pela fabricante brasileira Embraer. A empresa já opera uma frota de 30 aeronaves E190. Simultaneamente com a chegada do modelo menor, a KLM vai iniciar a substituição das aeronaves Fokker 70 que, de acordo com os planos atuais, será concluída em 2018. O E175 é consideravelmente mais eficiente em combustível em comparação com o modelo holandês. Como resultado, o jato brasileiro se encaixa perfeitamente em linha com o objetivo da KLM para reduzir as emissões de dióxido de carbono em 20% até 2020. O primeiro voo comercial do E175 partirá do Aeroporto de Schiphol para Stavanger. Destinos subseqüentes incluirão Bruxelas, Ålesund, Torp Sandefjord, Turim e Manchester.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn