KLM inicia o transporte de cargas na cabine de passageiros

Companhia está testando um jato Boeing 777-300ER nessa modalidade

A companhia aérea KLM iniciou voos transportando cargas não apenas nos porões, mas nos assentos dos passageiros e nas caixas de bagagem da cabine de passageiros. A primeira operação com um jato Boeing 777-300ER partir de Xangai para Amsterdã levando principalmente suprimentos médicos urgentes, incluindo centenas de milhares de máscaras faciais e roupas protetoras para serem usadas no combate ao COVID-19. Cerca de 500 pacotes de equipamentos podem ser transportados na cabine em cada voo. Se o teste for bem-sucedido, Pequim e Hong Kong se juntarão a Xangai na lista de destinos para este novo serviço. A KLM implantará três aeronaves do tipo para operar voos de carga na cabine. Por outro lado, as operações combinadas dos jatos Boeing 747-400 que estão retornando ao serviço nessas rotas em breve também serão reconfiguradas para serem usadas de maneira semelhante. Os pacotes serão amarrados aos assentos dos passageiros e guardados nos compartimentos de bagagem. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn