LATAM reduz seus voos internacionais em aproximadamente 30%

Medida será aplicada principalmente para voos da América do Sul à Europa e aos Estados Unidos entre 1º de abril e 30 de maio

O Grupo LATAM Airlines e suas filiais anunciaram uma redução de aproximadamente 30% de seus voos internacionais devido à baixa demanda e restrições de viagens impostas pelos governos após o avanço do COVID-19, declarado uma pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Por enquanto, esta medida será aplicada principalmente para voos da América do Sul à Europa e aos EUA, entre 1º de abril e 30 de maio. A empresa seguirá mantendo seus rígidos protocolos de segurança e higiene para proteger o bem-estar dos seus passageiros, tripulação e equipes de solo. Ao mesmo tempo, implementou procedimentos especiais de limpeza para suas aeronaves, que possuem um sistema de recirculação que renova o ar nos aviões a cada três minutos, com sistemas de filtro de última geração. Outras medidas incluem a suspensão de novos investimentos, despesas e de contratações, incentivos para licenças não remuneradas e antecipação de férias. Até o momento, o Grupo LATAM não viu impactada a demanda em seus mercados domésticos e por isso, definiu não implementar alterações em seus itinerários por enquanto. Foto: Alex Pelicer

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn