Livro narra a visão de passageiro do avião que pousou no Rio Hudson

“O voo da fé – O milagre no Rio Hudson” traz versão diferente da que inspirou o filme

No dia 1º de dezembro, estreia no Brasil o filme “Sully – O Herói do Rio Hudson”, dirigido por Clint Eastwood, com Tom Hanks no papel principal. Ele interpreta o capitão Sully, que, para salvar a vida das 155 pessoas a bordo do Airbus A-320 da US Airways, realizou uma aterrissagem de emergência no Rio Hudson, em Nova York. O filme mostra a visão do piloto e seu feito sem precedentes na história da aviação, além de contar sobre a investigação que ameaça sua reputação e sua carreira. Já o livro “O voo da fé – O milagre do Rio Hudson”, de Frederick Berretta, é a narração, em primeira pessoa, da experiência de um dos passageiros. No livro, o autor, que também é piloto amador, intercala a história do incidente com relatos de sua vida, destacando momentos em que se viu diante de situações difíceis. Para ele, não se tratou apenas de sorte, mas da manifestação da Providência Divina, que combinada com o trabalho humano, permitiu o desfecho feliz e o bem maior que dele derivou – no caso de Fred Berretta, o aprendizado do grande poder de Deus para salvar e proteger aqueles que recorrem a Ele com um coração contrito e amor sincero. Mais informações pelo email imprensa@paulinas.com.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn