Lufthansa terá 12 voos semanais para o Brasil em dezembro e janeiro

O Grupo Lufthansa divulgou ontem (10), um balanço do que foi o ano de 2020 em meio a pandemia.

Tom Maes, diretor Sênior de Vendas para América do Sul lembrou que a Lufthansa atualmente opera 12 voos semanais para o Brasil, já com aumento para alta temporada de verão. O número está bem abaixo das 26 frequências que eram operadas antes da pandemia, mas com uma taxa de ocupação média de 60%, o que, segundo ele, está bem acima de outras companhias. O diretor destacou ainda o lançamento do voo São Paulo-Munique antes da pandemia. “Um sucesso de demanda, superando a demanda de outros voos”, e lembrou que Lufthansa nunca deixou de operar no Brasil, o que mostra a importância do mercado para a Lufthansa, embora o mercado tenha reduzido muito de 2019 para 2020.

“Tivemos 1.780 voos para o Brasil em 2019, e em 2020 teremos 680 frequências. O mercado reduziu muito, mas estamos orgulhosos já que a Lufthansa nunca deixou de voar entre Guarulhos e Frankfurt, uma das únicas cinco rotas intercontinentais que a Lufhtansa ofereceu sem interrupção, enfatizando a importância do mercado brasileiro para nós. Garantimos assim uma ponte aérea entre Brasil e Europa naquele momento”, revelou o diretor.

Annette Taeuber, diretora de Vendas Brasil do Grupo Lufthansa, por sua vez, afirmou que a pandemia pegou a Lufthansa de surpresa, num momento em que contava com 26 voos semanais para o Brasil.

“As vendas chegaram a cair 90%. Agora, nesta retomada, o mundo caminha para protocolos internacionais padronizados. Junto com a Iata, estamos trabalhando para termos voos Covid Free. Em novembro, mesmo durante a crise, continuamos buscando oferecer soluções para nossos clientes, como converter assentos Economy em cama na classe econômica em voos para o Brasil. E ainda ampliamos oferta: ao invés de cinco, passamos a ter voos diários para Frankfurt, além de termos registrado crescimento na taxa de ocupação. Eu acredito que o pior já passou”, revelou.

“Em dezembro e janeiro teremos quase 50% da oferta que oferecíamos no mesmo período de 2019. São Paulo-Frankfurt é uma das rotas mais importantes. Este crescimento de oferta (para voos diários) aconteceu em poucas rotas da Lufthansa.

Foto: Airbus

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn