Nova unidade da Delta finaliza a primeira revisão de motor Rolls-Royce Trent 1000

Motor foi entregue para a parceria de joint venture Virgin Atlantic

Um motor Rolls-Royce Trent 1000 operado pela parceira de joint venture Virgin Atlantic foi devolvido ao serviço neste mês após a revisão realizada na nova oficina de reparos de última geração da companhia aérea Delta Air Lines. O motor foi o primeiro a ser introduzido na unidade no final de 2018, onde os funcionários trabalharam para reparar o compressor de pressão intermediária. A unidade está expandindo suas opções para incluir o Trent 7000 e permite que a Delta realize manutenções em motores com as mais sofisticadas e avançadas tecnologias. Através de capacidades expandidas e novas instalações, a Delta espera aumentar a receita nos negócios de MRO em US$ 1 bilhão por ano nos próximos cinco anos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn