Palestra da ABEAR aborda sistema de gerenciamentro de fadiga

Programa já foi implantado nos Estados Unidos e entrará em vigor na Europa em 2016

Prestar informações sobre a mais recente ferramenta de gerenciamento de segurança operacional – o Sistema de Gerenciamento de Risco de Fadiga – foi tema de debate no “Por Dentro da Aviação”, série de palestras promovidas pela Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR). O programa tem a função de monitorar e gerenciar a influência do cansaço nas operações, com a finalidade de melhorar processos e mitigar eventuais impactos, tendo em vista que a fadiga não pode ser eliminada ela deve ser gerenciada. Com base em dados apresentados no evento, o Sistema de Gerenciamento de Risco de Fadiga (SGRF) já foi implantado nos Estados Unidos neste ano e entrará em vigor na Europa em 2016, após anos de estudo, aliado a colaboração e validação dos respectivos órgãos reguladores. O programa é um dos itens que estão sendo discutidos entre as associadas Avianca, Azul, Gol e TAM e o Sindicato dos Aeronautas, por meio de um grupo de trabalho composto por representantes de ambas as partes. Esse sistema também faz parte das discussões de um projeto de lei que tramita na Câmara para regulamentar a profissão da categoria. Mais informações no portal www.abear.com.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn