Primeiro Airbus A330neo entra na linha de montagem final em Toulouse

Versão foi concebida para reduzir em mais de 14% o consumo de combustível por assento

A fabricante europeia Airbus iniciou a montagem final do seu primeiro jato A330-900, com a junção das asas e da fuselagem central, na Estação 40 de sua linha de montagem final, em Toulouse. Mais novo membro da família de aeronaves wide-body, o A330neo foi concebido para reduzir em mais de 14% o consumo de combustível por assento. As duas versões, A330-800 e A330-900, contam com os dispositivos de ponta de asas Sharklets, inspirado no design de ponta do modelo A350, além incorporar a última geração de motores Rolls-Royce Trent 700 e a nova cabine AirSpace, para uma experiência definitiva em termos de conforto. Graças ao baixo consumo de combustível da nova geração, o A330neo amplia as oportunidades de mercado para seus operadores ao oferecer um alcance adicional de 400 milhas náuticas, levando o alcance do modelo A330-900 para 6.550 milhas náuticas e o da versão A330-800 para 7.500 milhas náuticas. Até hoje, dez clientes encomendaram um total de 186 aeronaves desta versão.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn