Qatar introduz medidas adicionais de segurança a bordo

Tripulação de cabine usa equipamentos de proteção descartáveis enquanto os passageiros deverão usar máscaras faciais

A companhia aérea Qatar Airways está implementando várias mudanças de segurança, incluindo a introdução de equipamentos de proteção individual para a tripulação de cabine a bordo, bem como um serviço modificado que reduz as interações entre os passageiros e tripulantes, que já usam EPI durante os voos há várias semanas, incluindo luvas e máscaras. Os profissionais usam o traje de EPI sobre seus uniformes, além de óculos de proteção, luvas e uma máscara para proporcionar maior segurança aos viajantes, além de medidas higiênicas aprimoradas já em vigor. A empresa também exigirá que os passageiros usem coberturas faciais a bordo, a partir do próximo dia 25 de maio. A transportadora já aplicou outras medidas adicionais de saúde a bordo de seus voos, com as refeições da classe executiva sendo servidas em uma bandeja em vez de uma mesa montada em esforço para reduzir o contato entre a tripulação e os passageiros. Na classe econômica, todas as refeições e talheres são servidos selados como de costume. Além disso, grandes garrafas de desinfetante para as mãos serão colocadas nas cozinhas e todas as áreas sociais a bordo das aeronaves foram fechadas para observar medidas de distanciamento social. Os aviões são desinfetados regularmente usando produtos de limpeza recomendados pela Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) e pela Organização Mundial de Saúde (OMS). No Aeroporto Hamad, a empresa também investiu na implantação de robôs desinfetantes, totalmente autônomos que emitem luz concentrada de UV-C, conhecida por ser eficaz na eliminação da maioria dos microorganismos infecciosos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn