Qatar

Companhia também transportou mais de 70.000 toneladas de suprimentos médicos e ajuda humanitária desde meados de fevereiro

Nas últimas semanas, a companhia aérea Qatar Airways transportou mais de um milhão de viajantes em operações de repatriamento e levou mais de 70.000 toneladas de equipamentos médicos e ajuda humanitária. A pandemia do COVID-19 criou um desafio sem precedentes para a empresa e a indústria da aviação como um todo. Enquanto a companhia continua a manter as operações sempre que possível para levar as pessoas para casa e levar suprimentos essenciais, a demanda geral por transporte aéreo diminuiu significativamente. A Qatar continua a realizar aproximadamente 60 voos regulares por dia para cerca de 40 destinos e está trabalhando em estreita colaboração com embaixadas de todo o mundo para organizar fretamentos para repatriar outros passageiros. Além disso, continua a operar uma programação de carga significativa com quase 100 voos por dia e para continuar atendendo a demanda, a divisão também utiliza aviões de passageiros para transportar somente mercadorias para destinos na China, Europa, Índia e Oriente Médio.