Setor estabelecerá medidas para enfrentar passageiros indisciplinados

Foram registrados cerca de 8 mil casos em 2013, segundo a IATA

A Assembleia Geral da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) aprovou por unanimidade, uma resolução que chama os governos e a indústria a trabalharem juntos na elaboração de medidas para conter e solucionar o problema de comportamento de passageiros indisciplinados. Essa má conduta inclui agressão física, perturbação da ordem a bordo ou desobediência às instruções legais da tripulação.A aprovação da resolução vai de encontro à conferência diplomática convocada pela Organização da Aviação Civil Internacional (OACI), em que os governos concordaram em modernizar e fortalecer a Convenção de Tóquio 1963. O resultado, conhecido como o Protocolo de Montreal 2014 (MP14), fornece um conjunto prático e eficaz para conter o comportamento desregrado, alargando a jurisdição legal no caso de tais eventos para o território em que a aeronave aterrissar. A definição de comportamento indisciplinado é ampla e inclui não-conformidade com as instruções da tripulação, o consumo de drogas ilegais, assédio sexual, confronto físico ou verbal e ameaças. Em 2013, o número desse tipo de ocorrência voluntariamente reportado à IATA pelas companhias aéreas atingiu cerca de 8 mil casos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn