South African anuncia a suspensão de linhas incluindo voos para São Paulo

Cancelamentos das operações no Brasil serão efetivadas em 29 de fevereiro

A companhia aérea South African Airways anunciou mais iniciativas para apoiar a transformação da empresa em um negócio sustentável e lucrativo. As medidas incluem mudanças direcionadas na rede de rotas, introdução de aeronaves com menor consumo de combustível, otimização de estruturas organizacionais e renegociação de contratos importantes com fornecedores. Após uma análise cuidadosa dos desafios de liquidez da SAA e após consultas com todas as partes interessadas relevantes, ficou definido que a empresa continuará operando todos os serviços internacionais entre Joanesburgo e Frankfurt, Londres/Heathrow, Nova York, Perth e Washington via Accra. Os serviços regionais a serem contratados incluem de Joanesburgo a Blantyre, Dar es Salaam, Harare, Kinshasa, Lagos, Lilongwe, Lusaka, Maputo, Maurício, Nairobi, Cataratas Vitória, Livingston e Windhoek. Por outro lado, a partir do próximo dia 29 de fevereiro, a SAA encerrará as rotas regionais e internacionais de Joanesburgo para Abidjan via Accra, Entebbe, Guangzhou, Hong Kong, Luanda, Munique, Ndola e São Paulo. Na rede de rotas domésticas, a transportadora continuará a servir a Cidade do Cabo em uma base reduzida. Todos os outros destinos domésticos, incluindo Durban, East London e Port Elizabeth, deixarão de ser operados na mesma data. As rotas domésticas operadas pela divisão Mango não serão afetadas pelas mudanças. Todos os passageiros afetados receberão reembolso total. Foto: Paulo Berger

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn