TAP Portugal apresenta resultado financeiro do primeiro semestre de 2019

Companhia registrou prejuízo líquido de 119,7 milhões de euros no período

O primeiro semestre de 2019 foi marcado por um período globalmente negativo para a aviação comercial na Europa, tendo os resultados da companhia aérea TAP nesse período acompanhado a tendência de decréscimo verificada nas demais transportadoras de bandeira na região. Apesar do contexto, a empresa atingiu um novo recorde no número de passageiros, tendo transportado 7,9 milhões de viajantes nos primeiros seis meses do ano, um crescimento de 4,8% face ao mesmo período do ano anterior. O investimento na expansão e renovação da frota prosseguiu com a entrada de 15 aeronaves de última geração e a saída de cinco unidades antigas. Com isso, a frota da TAP totalizou 106 aviões no fim do semestre. O resultado líquido do Grupo TAP no primeiro semestre de 2019 foi de -119,7 milhões de euros, impactado principalmente pela quebra de receitas de passagens do Brasil em 43,1 milhões de euros e pelo aumento dos custos com pessoal em 35,3 milhões milhões de euros (+10,6% face ao período homólogo) em resultado das novas contratações e das revisões salariais negociadas em 2018. Mais informações no portal https://www.flytap.com.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn